05/12/2016 14:02 • 541 visualizações
SISTEMAS DE INTEGRAÇÃO - (iLPF) INTEGRAÇÃO ENTRE LAVOURA, PECUÁRIA E FLORESTA.
Com desafios cada vez maiores sobre produção agrícola e otimização de produção, é inevitável o apelo para que seja difundida o conceito de Agricultura Sustentável a nossa realidade

por: Cayan Zanardi Marrique - Engenheiro Florestal

 

Com desafios cada vez maiores sobre produção agrícola e otimização de produção, é inevitável o apelo para que seja difundida o conceito de Agricultura Sustentável a nossa realidade, tendo em vista âmbito global associado ao grande passivo ambiental do setor agrícola. Entretanto, umas das alternativas utilizadas são integrações entre sistemas de produções (floresta, pecuária e agricultura). Na Europa, desde a idade média, foram utilizadas diversas formas de plantios associados entre culturas anuais e perenes ou ainda frutíferas ou florestais (Dupraz & Liagre, 2008), sendo esta trazidas para o Brasil por europeus e adaptadas a nossa realidade climática. Com o interesse pela necessidade de recuperação das áreas de pastagens degradadas e pelas restrições ambientais de legislação para abertura de novas áreas, o interesse pela pratica de sistemas integrados aumentou, assim como o interesse de pesquisas cientificas em cima do modelo de integração, sendo que com o avanço de pesquisas, principalmente pela EMBRAPA, foram estabelecidos diretrizes de técnicas, consórcios e benefícios para diversos sistemas. Os sistemas de iLPF (integração lavoura pecuária e floresta) com o manejo adequado proporcionam um aumento de produção com riscos financeiros menores, sendo que sistemas de consórcios contribuem no sequestro de carbono, ajudando assim a mitigar os efeitos dos gases de efeito estufa.  Almeida et al. (2012) diz que, sistemas de iLPF, para recuperação e intensificação do uso de pastagens, são alternativas viáveis do ponto de vista técnico, ambiental e socioeconômico, entretanto, são mais complexos, exigem a interação de várias áreas do conhecimento e maiores investimentos iniciais, sendo que a perspectiva de recursos público privados para pagamento de serviços ambientais apresenta-se como um importante estímulo para adoção desses sistemas de produção. Então, considerando diversos pactos firmados pelo governo no âmbito de melhoria de práticas sustentáveis e na pratica da agricultura sustentável, a perspectiva é de mais de 4 milhões de hectares de sistemas integrados até 2020.

 

 

Fonte:

ONDE ESTAMOS

Av. Natalino João Brescansin, nº 105
Sala 02 • Centro • Sorriso • Mato Grosso

REDES SOCIAIS

FALE CONOSCO

(66) 3544-0085

contato@a7ambiental.com.br

© Copyright 2018 A7 Ambiental - Todos os direitos reservados - Desenvolvimento Blit Softwares